Resenha – O Vingador

Resenha – O Vingador

frederick forsyth, livro, resenha, autor ,o vingador, mercenario, terrorismo, opiniao

Frederick Forsyth (acima) é um gênio. E o conteúdo desta afirmação é atestado em O Vingador, um de seus muitos e mais elogiados títulos.

Com uma escrita extremamente clara e viciante, este é um livro difícil de largar e de se esquecer. Ao ponto de, no meu caso, tornar a história aparentemente rápida demais frente ao encantamento gerado pelo texto.

Como se as 380 páginas da obra fossem poucas.

Com personagens bem descritos e variados, com histórias diversas, contextualizações aprofundadas e as mais criativas ligações entre uns e outros, o enredo acontece e parece ser sempre clímax. Parece ser cada vez melhor ao passar das páginas e a condizer cada vez mais com a realidade, sendo impossível não entender as explicações do livro.

Além disso, com um final completamente arrebatador, é ainda um título capaz de fazer o leitor sorrir com os acontecimentos e se impressionar com o conhecimento que o autor parece possuir de todos os assuntos. De guerras, relações internacionais, geografia, terrorismo e outros.

É um livro realmente incrível.

Ademais, junto a cenários muito bem narrados, o ritmo da leitura é frenético, vindo a ser uma das melhores obras do gênero – se não a melhor – que li até então. E uma das que prontamente indicarei daqui para frente.

Assim, só há mais uma coisa a ser dita: leia “O Vingador”.

Não deixe de ouvir o LivroCast 043 – O Vingador

LivroCast, livro, o vingador, frederick forsyth, capa, espionagem, podcast, politica, mercenario, autor

Autor:

Publicitário e administrador por formação, viciado em livros e um músico mal-compreendido pelos amigos. Responsável pela sessão literária do Lokotopia e pelo LivroCast. Tenta ser sempre eclético e levar todos ao fantástico mundo da literatura. Twitter, Facebook e Google+.

aba-share
aba-comentarios