LivroCast 069 – Marina

LivroCast 069 – Marina

livrocast podcast marina carlos ruiz zafon autor espanhol fantasia juvenil a sombra dos ventos barcelona espanha magia topo:: É recomendado o uso de fones para se ouvir este episódio ::

Sejam todos muito bem-vindos ao LivroCast de número sessenta e nove. No podcast de hoje, Marcelo Zaniolo (@celo_zaniolo), Bruno Assis (@ofrango), Vitor Assis (@vitaoSA) e Daniel Cavalcanti (@dani_aoc9) se reúnem para falar do autor espanhol Carlos Ruiz Zafón e de seu livro "Marina", escrito em 1999.

No LivroCast 069: Quem é o autor, como sua carreira literária foi construída, principais títulos, o que Marina tem de diferente dos demais, elogios, críticas, opiniões e muito mais.

Locução: João Victor V. B. Militani (Mundo Podcast)

Tratamento e Decupagem dos Áudios: Luís Beber.

Edição e Revisão: Marcelo Zaniolo.

Tempo de Duração: 91 minutos.

Seja um Patrão do LivroCast

Compre o Livro Comentado no Episódio de Hoje

Comentados no Programa 

Trilha Sonora do Episódio:

  • Trilha sonora oficial de "O Cemitério dos Livros Esquecidos"
  • Leoni - Garotos

Críticas, Sugestões e Dúvidas

  • E-mail: livrocast@lokotopia.com.br
  • Twitter: @LivroCast

LivroCast no Facebook:

Outros Links:

Informações Sobre o Episódio

Aperte o play no topo da página para ouvir o LivroCast ou clique com o botão direito em download e escolha a opção “Salvar Destino Como” para baixá-lo em seu computador.

Autor:

Publicitário e administrador por formação, viciado em livros e um músico mal-compreendido pelos amigos. Responsável pela sessão literária do Lokotopia e pelo LivroCast. Tenta ser sempre eclético e levar todos ao fantástico mundo da literatura. Twitter, Facebook e Google+.

aba-share
aba-comentarios
  • Ruhan Gonçalves

    Ruhan Gonçalves, 22 anos, estudante de Ciências da computação, Treze de Maio (cidade) – SC

    Se fosse participar desse podcast, a minha frase inicial seria: “Se algum dia pudesse voltar a enxergar, uma das coisas que eu mais teria vontade de ver seria os quadros feitos por aquele que talvez fosse o melhor pintor que já existiu, caso tivesse exposto as suas obras para o resto do mundo.”.
    Li esse livro pouco tempo depois de ter lido os três primeiros livros da tetralogia “O cemitério dos livros esquecidos”, por causa do livrocast. Me encantei pela escrita do Zafon assim como aconteceu com alguns de vocês. A sombra do vento acabou se tornando o meu livro favorito, por toda a sua ideia e profundidade, mas ainda assim Marina se tornou um livro especial para mim.
    Concordei com o Bruno a respeito do recurso que o autor usa repetidas vezes de forma conveniente com os protagonistas, mas estou do lado do Marcelo. A escrita e a história me agradam tanto, que acabo relevando esse pequeno problema.

    Sou muito grato ao livrocast por ter me apresentado Carlos Ruiz Zafon, que facilmente entrou na minha lista de autores favoritos.

    Ps.: Para mim o livro “O jogo do anjo” está muito próximo ao “A sombra do vento”. Ele facilmente merece um livrocast, que espero que venha logo.
    Ps2.: Quando um dos participantes começa a falar: “Eu conheci o Zafon,…” eu já estava com um pouco de inveja surgindo, porque achei que ele ia terminar com “pessoalmente.”. Admito.
    Ps3.: Como assim o 4º livro da série “o cemitério dos livros esquecidos” está perto de ser lançado. Fiquei um pouco mais feliz quando escutei, e também um pouco ansioso.
    Ps4.: Marcelo, me convida para um podcast sobre um livro do Zafon. :)

    • LivroCast

      Fala, amigo, tudo bem? Desculpe a demora em te responder. Gostei da frase de abertura! Hahaha… Sobre seu comentário, obrigado por estar do meu lado. Amo o autor e apesar de reconhecer certo exagero em alguns recursos que ele usa, acabo por nem perceber ao longo da escrita. Tamanha imersão que suas obras causam em mim. Fico feliz em saber que te apresentamos o que é hoje seu autor favorito, e espero que continue assim. Você nos ouvindo, comentando e encontrando obras que merecem ser lidas. Obrigado mesmo. Ler isso, fez o ano valer a pena! Hehe… Sobre os PSs, pra encerrar: 1) Quero gravar mais sobre os livros do autor SIM, 2) Hahahaha, 3) SIM, mal posso esperar pra ser lançado por aqui e poder ler as quase MIL páginas! Hahaha, e 4) Vamos conversar sobre isso, pode deixar. Um abraço, meu caro. E um excelente ano novo para você! o/

  • Lucas Groto Garutti

    A trilha sonora, amigo… Pode me arranjar?

    • LivroCast

      Que bom que gostou, amigo! E claro que posso. As músicas estão disponíveis para download no próprio site do autor. Aqui: http://www.carlosruizzafon.com/descargas/musica.php Bom download. As músicas são PERFEITAS para os livros dele. Abraço! o/

  • E aí pessoal, tudo bem?
    Das obras do Zafón, já havia lido a [até então] trilogia do Cemitério dos Livros Esquecidos e Marina, sendo que este último se tornou meu preferido, superando A Sombra do Vento. Acho que os principais motivos para isso foram mencionados por vocês no cast: a fluidez da narrativa do autor, a sensação de nostalgia que ele causa e a identificação com os personagens. Para falar a verdade, essa fórmula que o Zafón tem de fazer os personagens se abrirem facilmente passou despercebida por mim, mas não posso negar que ela está ali. De qualquer modo, isso não interfere em nada na qualidade desse livro e dos outros.
    Já li esse Marina duas vezes e na primeira leitura eu não percebi a verdadeira situação nem o que aconteceria com a personagem no final. Então, Marcelo, você não está sozinho nessa. Já na segunda vez, fui percebendo indícios ao longo da história. Acho que o que me impediu de enxergá-los da primeira vez foi realmente o envolvimento com a trama.
    Parabéns pelo ótimo programa e pela bela edição. O áudio-drama inicial está ótimo.
    Abraços a todos.

    • LivroCast

      Mozer, Mozer, Mozer… Estou 100% com você nessa! Haha… Digo, compactuo com QUASE tudo que você disse. Ainda acho “A Sombra do Vento” o meu favorito, mas muito pela nostalgia e pela importância que o livro tem para mim. Mas realmente. Não reparei no final de Marina a primeira vez que li, apenas na segunda. E o Zafón é um autor incrível. Fico feliz que tenhas nos ouvido e aprovado o episódio. Um grande abraço e um excelente 2017 para você, amigo! o/